• Remédios caseiros para tratamento de ulcera estomacal

    scissors
    maio 5th, 2009

    esofagite


    Uma úlcera estomacal é uma ferida redonda ou oval, bem definida, no estômago ou duodeno. A lesão pode ter sido causada pela erosão dos ácidos gástricos e sucos digestivos.

    Conheça cuidados para o tratamento desta enfermidade que incomoda a maioria das pessoas, principalmente aquelas que não tomam os cuidados devido com a saúde.

    -Beba ½ copo de suco de quiabo cru, 1 vez ao dia;
    -Cozinhe 50g de folhas de acelga em 1 litro de água, deixando ferver por 10 minutos.Tomar 3 xícaras de café por dia

    -Chá de capim limão (cidreira) e de canela tomados em horas alternadas.
    O capim limão acalma e a canela fortalece o estômago.
    -1 folha de louro mais a casca seca (escura tipo marron) de uma cebola: ferva um pouco com duas xícaras de água limpa. Desliga. Coa e bebe devagar.
    -Losna sem açúcar
    -Trate com batata inglesa que cura azia, gastrite e úlcera. Descascar a batatinha, ralar e depois espremer até sair o leite. Tomar 1 colher, em jejum, após escovar os dentes.Tomar durante 1 mês.
    – A receita tradicional para as úlceras é a de 1L de sumo de couve durante 8 dias. Contudo esta prática não deve ultrapassar os 8 dias, nem deve ser mais de um litro pois este sumo pode inibir o organismo de absorver o ferro e consequentemente criar uma anemia.

    Outros cuidados:

    Anos atrás, acreditava-se que uma dieta leve, à base de leite, com pouca fibra e poucos temperos, era eficiente para o controle da úlcera. Hoje está provado que essa indicação não procede. No entanto, se você tem úlcera ou predisposição para desenvolvê-la, alguns cuidados podem ser tomados:

    •Não fume. Fumantes estão mais propensos a desenvolver úlceras;

    •Faça refeições menores, mais leves e mais próximas umas das outras. Isso ajuda a diminuir a dor e a queimação;

    •Evite , café, refrigerantes e bebidas alcoólicas, substâncias que estimulam a produção de ácidos;

    •Suspenda o uso de aspirina e antiinflamatórios. Converse com seu médico que irá indicar medicamentos menos lesivos à mucosa estomacal, antiácidos que podem ajudar a diminuir os sintomas ou antibióticos, no caso de infecção por Helicobacter pylori;

    •Procure controlar, na medida do possível, o nível de estresse a que está exposto.