• Características dos estilos de karate Shotokan,Wado,Gojo,Shito-Ryu

    scissors
    março 9th, 2011

    karate

    Os estilos do karate mais populares (os mais tradicionais) são Shotokan, Wado-Ryu, Gojo-Ryu e Shito-Ryu.

    O estilo é a identidade do karateca, e previamente, sabendo-se o estilo, pode-se saber os pontos fortes e fracos do oponente.

    Confira as características principais de cada estilo do karate:

    Shotokan: nele existem os kata (semelhante ao Kati do Kung Fu), que são sequências de exercícios predefinidos que permitem que o karateca treine sozinho. No Shotokan predominam a força e a estabilidade, usadas em posições baixas, que garante solidez. A defesa é algo muito relevante neste estilo, pois todo ataque começa com uma defesa.

    Nele são utilizadas técnicas simples de soco, que são muito difíceis de serem dominadas, e que possuem um poder sobre-humano.

    No karate shotokan são levados a sério fatos como a concentração e o estado de espírito, pois sem concentração e um estado de espírito leve mas determinado a técnica de pouco serve, devendo estes dois atributos expandirem-se com a pratica e determinação.

    Wado-Ryu: este é um estilo que tem o ataque como seu ponto forte. Seus praticantes são ágeis, o que lhes permite atacar e defender de maneira maestral.

    Na defesa utliza-se a movimentação do quadril e o ataque é utilizado simultaneamente à defesa, visando usar a força do adversário.

    Um dos princípios do estilo Wado é obter muita eficiência usando pouca energia.

    Outro diferencial marcante do Karate Wado é a prática do yakussoku kumitê (luta combinada): técnica de simulação exclusiva do estilo que permite aos lutadores o treino de situações de projeção, esquiva, imobilização, finalização, defesa, ataque e contra-ataque.

    Goju-Ryu: um estilo de karate que mescla formas rígidas com formas suaves.

    O Goju-Ryu busca equilíbrio dos opostos, das energias antagônicas e complementares. Ele ensina o modo certo de agir: se com energia ou com calma, rapidez ou suavidade.

    Nele utiliza-se posições altas, porém estáveis e poderosas, somado a um profundo trabalho de respiração.

    Shito-Ryu: nele as posições são naturais. No ataque usa-se posições altas e na defesa baixas. Neste estilo de karate usa-se muito técnicas de mão aberta. Aprende-se a prática do kobudo (armas tradicionais japonesas).

    Todos estes estilos têm seu programa de graduação próprio. O que é comum neles é que a graduação mais alta é representada pelo cinto negro (1º dan), o que representa experiência e influência sobre os outros praticantes. A obtenção do cinto negro requer muito trabalho, paciência, perseverança e coragem.