• Balé como uma atividade para se manter em forma

    scissors
    agosto 4th, 2011

    Praticante de balé

    Há quem veja o balé apenas como uma dança para meninas delicadas, mas ao longo do tempo pesquisas vem mostrando o quanto o balé pode ser uma importante atividade física para pessoas de qualquer idade, e sexo. O balé é um dos esportes mais completos que existe e comparado à natação por um estudo realizado por Tim Watson, professor de fisioterapia da Universidade de Hertfordshire, no Reino Unido, mostrou-se superior em alguns aspectos, como: força, flexibilidade, equilíbrio corporal, menos porcentagem de gordura no corpo, equilíbrio emocional e salto à distância e em altura.

    Movimento de baléO balé exige muita técnica e atividade física de quem o pratica e pode ser considerado tanto uma arte quanto como um esporte. O bailarino precisa treinar, ter disciplina, se esforçar muito fisicamente, ter expressão corporal e ainda passar emoção com a dança.

    Os benefícios desse esporte ou arte não se resumem somente ao aspecto físico, pois o balé traz também benefícios à alma, por despertar emoções e liberar a tensão através da música clássica. O balé tem o objetivo de equilibrar corpo e mente, harmonizando tudo em volta. Pode ainda aumentar a autoestima e a autoconfiança de quem o pratica, dando disposição física e aumentando o bem-estar, além de combater a timidez e desenvolver toda a musculatura do corpo. Outro benefício muito interessante é que o balé ajuda no combate ao envelhecimento, já que dá firmeza ao corpo.

    Passos de baléPara quem não quer praticar o balé profissionalmente e não se identifica com as aulas de musculação de uma academia normal, pode adotá-lo como uma atividade física diferenciada e ainda obter resultados maravilhosos.

    O balé também proporciona a correção da postura, alonga todo o corpo de maneira proporcional e deixa abdômen, glúteos e coxas tão durinhos quanto qualquer exercício de musculação.

    Por ser uma atividade tão completa o balé tem ganhado muitos adeptos nos últimos anos, por trazer benefícios não somente físicos, mas também mentais e sociais.